ARM SoftBank

O mercado de fusões e aquisições está fechando a semana com grandes operações no Brasil e no mundo. Acompanhe alguns destaques da semana selecionados pela nossa equipe:   SoftBank/ARM   Grande operação anunciada entre a empresa japonesa de telecomunicações SoftBank e a fabricante britânica de microprocessadores ARM. A SoftBank comprou a ARM pelo valor de 24,3 bilhões de libras (US$ 32 bilhões), a primeira grande fusão/aquisição após o Brexit. O anúncio foi muito bem recebido na Bolsa de Londres, em que a ação da ARM chegou a operar em alta de mais de 40%. A ARM fornece componentes para os iPhone da Apple e era considerada por analistas de mercado uma empresa muito atrativa para os grandes investidores. De acordo com a SoftBank, a princípio a sede da  ARM será mantida em Cambridge e deve dobrar o número de funcionários no Reino Unido. A desvalorização da libra esterlina em relação ao dólar, principalmente após o referendo do Brexit, aumentou o interesse de empresas estrangeiras por companhias britânicas.   Lupo/Scalina   A Lupo anunciou a compra da Scalina (que possui as marcas Trifil e Scala). Com a aquisição, a Lupo passou de terceira para a segunda maior companhia de moda íntima do país, dividindo a posição com a Marisa. Quem lidera o ranking, divulgado pela empresa de pesquisas Euromonitor Internacional, é a DeMillus, com 4% de participação nas vendas totais. O valor da operação não foi revelado e a transação ainda depende de aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). As empresas vão manter separadas, a Scalina opera com 100 lojas de franquia no país e a Lupo com 320 lojas. O mercado de moda íntima no Brasil movimentou R$ 15,6 bilhões no ano passado, com crescimento de 4,3%.   Ghelfon/Imedi   O grupo de diagnósticos Ghelfond anunciou a aquisição do concorrente Imedi, tornando o quinto maior do segmento no país, competindo com os gigantes Dasa, Fleury, Alliar e Hermes Pardini. Os dois laboratórios têm atuação na grande São Paulo. O Imedi é especializado em diagnósticos de imagem de alta complexidade e vai complementar a rede de laboratórios do Ghelfond com um total de nove unidades de atendimento privado e mais de 40 para atendimento no sistema público de saúde.   Acompanhe nossos posts, além dos destaques semanais publicados sempre às quintas-feiras, no final do dia, produzimos conteúdos exclusivos no nosso blog sobre o mercado de capitais.   Se tiver dúvidas, entre em contato conosco. Será um prazer!