Momento para M&A

O momento ruim para uns pode ser o ideal para quem quer investir, afinal, como já andam falando por aí, “em tempos de crise, quem investe é rei”. Por isso, apesar do baixo crescimento da América Latina, continuamos despertando interesse em investidores.

Dados divulgados pela Intralinks aponta que o volume de fusões e aquisições deve crescer 7,4% no próximo trimestre. Tal perspectiva de crescimento acontece sobre uma base relevante, com perspectiva de aumento de 48,6% no número de negócios na região

Desta forma, investidores, em especial os chineses, estão sendo atraídos pelos baixos preços e uma possível recuperação no longo prazo no mercado brasileiro.

A pequenas e médias também podem

Engana-se, no entanto, quem acha que fusões e aquisições é um tema restrito às grandes corporações. De acordo com dados publicados na Monthly M&A insider, 84% dos negócios de fusões e aquisições na América Latina são provenientes de empesas de menor porte. A bem da verdade é ainda mais fácil para empresas menores conseguirem executar um processo de fusão, já que as avaliações, decisões e negociações são mais simples.

Se você pensa em investir, operações dessa natureza podem ser a solução para o seu negócio. Pequenas e médias empresas devem pesquisar e levar em consideração este recurso para alavancar os negócios, aumentar de forma rápida sua carteira de clientes, portfólio e região de atuação, além de buscar novos modelos de gestão e atrair talentos.

As empresas que têm interesse em operações de fusões e aquisições devem estar bem preparadas e amparadas, estruturando muito bem os termos em que essa relação vai acontecer no futuro. Para buscar o parceiro certo e conquistá-lo, é preciso conhecer bem seu negócio e saber protegê-lo. O processo não é e nem deve ser rápido, exige paciência e deve se iniciar só após ter a certeza de ser o melhor caminho para prosperar os seus negócios e contar com profissionais certos para conduzir o processo.