A avaliação técnica imobiliária é um relatório baseado em engenharia de avaliações, que consiste em conhecimentos técnicos e científicos para avaliar bens. Esse relatório tem embasamento normativo e possui uma série de procedimentos técnicos a serem seguidos pelo avaliador.

A partir da avaliação técnica imobiliária cria-se um laudo técnico de avaliações, que se trata de um relatório detalhado para determinar o valor de uma propriedade – seja ela rural, urbana, glebas, aeroportos, indústrias, portos, hotéis, shoppings, propriedades com edificações mais complexas, entre outros. Além disso ele é fundamentado de acordo com a finalidade da avaliação e segue alguns procedimentos tais como: a vistoria do imóvel e de seu entorno, uma pesquisa completa das propriedades semelhantes/comparáveis da região onde se localiza o bem e cálculos de avaliações precisos de acordo com a metodologia e normas requeridas.

Avaliação Técnica Imobiliária

Esse processo de avaliação deve ser realizado por algum engenheiro, arquiteto ou agrônomo, devidamente registrados no CREA/CAU, e preferencialmente associado do Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia (IBAPE) – órgão federativo que tem o intuito de elevar a qualidade das avaliações e perícias a níveis de excelência através da divulgação e organização de cursos na área, notícias de inovações no setor e auxílio aos associados por meio de conteúdos relevantes.

O motivo de realizar um laudo técnico de avaliações é obter os benefícios de uma boa gestão de patrimônio, alocando os ativos da melhor maneira possível e garantir o melhor retorno sobre determinada propriedade. No âmbito mais geral, a finalidade das avaliações são:

  • Fins gerenciais
  • Desapropriação
  • Garantias bancárias
  •  Litígios em geral
  • Definição do valor locativo justo
  • Avaliação contraditória para revisão de cálculo de ITCD
  • Fusões, incorporações e cisões societárias
  • Estudo de viabilidade técnica econômica
  • Atendimento às legislações contábeis
  • Inventários e ações de falência

Além disso, a Avaliação Técnica Imobiliária pode garantir a quem solicita o serviço, o potencial de rentabilidade de determinado imóvel – se o valor locativo está abaixo ou acima do valor de mercado daquela região; se o aluguel de um imóvel vale mais a pena que comprar uma determinada propriedade; se o valor do imóvel, que representa um ativo imobilizado, poderia auxiliar o crescimento de uma empresa através do aumento do fluxo de caixa, sendo assim, mais vantajoso a venda.

Exemplo de um laudo de avaliação imobiliária que determina o valor justo da propriedade:

Avaliação Técnica Imobiliária

Gostou do tema e quer saber mais?

Esta publicação foi a primeira da série de posts sobre avaliações, que terá semanalmente uma publicação, totalizando 4 publicações.

Na próxima semana falarei sobre Avaliação de Maquinários e Equipamentos, bem como de ativos fixos de menor relevância financeira, como Mobiliário e Utensílios, para maximização dos lucros. Após, abordarei as normas e princípios que permeiam essas avaliações e, por fim, as especificações de um laudo técnico.

Acesse também o e-book “Avaliações Imobiliárias: definição, regras e finalidades”

Rodrigo Oliveira

Diretor Geral da Investor

rodrigo.oliveira@investorcp.com   

 

Clique aqui e entre em contato com a gente!