Inventário de Estoques

O controle de estoque de produtos de uma empresa é uma atividade que demanda bastante atenção. A tecnologia ajuda muito a manter o estoque organizado e evitar problemas com a falta de produtos necessários, e pode ser aproveitada com o uso de softwares de gestão que oferecem o módulo de controle de estoque integrado com outros setores, como o de vendas diretas, o de compra de produtos e também o de controle financeiro.

A ferramenta de gestão de estoque automatiza o processo na empresa, facilitando o dia a dia de trabalho e aumentando a produtividade já que os colaboradores podem utilizar o tempo antes utilizado conferindo o estoque, diariamente, para desempenhar outras funções mais importantes.

Porém, mesmo com toda a tecnologia disponível, as entradas e saídas de produtos devem ser acompanhadas para evitar fraudes e roubos que causam prejuízos. E para isso o inventário de estoques é a ferramenta adequada para ter um controle mais aprofundado sobre a armazenagem.

 

O que é o inventário de estoque?

Inventário de estoque é a contagem de todos os itens e produtos que estão armazenados no estoque, em um exato momento, e a comparação desse resultado com o que está registrado no controle.

Essa é a forma correta de verificar se há alguma divergência entre os resultados, o que indicaria erro ou fraude.  A contagem manual ainda é a forma mais eficiente de coibir fraudes e corrigir erros, que podem ter sido cometidos em um dia mais corrido, por exemplo, em que foi lançado um valor diferente no sistema.

 

Quais são os tipos de inventário de estoque existentes?

Embora a base de qualquer inventário seja a contagem de produtos, existem algumas formas diferentes de conduzir esse processo, que se diferem pelo perfil da empresa, as necessidades e capacidades do negócio.

  • Inventário de estoque rotativo/cíclico: realizado em ciclos que podem ser semanais ou mensais.
  • Inventário de estoque perpétuo/permanente: realizado em tempo real e exige o uso de ferramentas automatizadas. Eficiente e prático, mas necessita de uma contagem manual esporádica para coibir fraudes.
  • Inventário de estoque geral: é o levantamento dos itens em um determinado momento. Necessita que as operações da empresa sejam paralisadas para ser realizado.
  • Inventário de estoque rotativo: os itens são divididos em grupos e contados separadamente. É mais indicado para um levantamento pontual.

 

Como fazer o inventário de estoque?Inventário de Estoques

Fazer um inventário de estoque em uma empresa não é uma tarefa difícil, mas sim bastante trabalhosa, dependendo do tamanho da empresa e da quantidade de itens a serem inventariados. Mas existem algumas dicas que podem ajudar nesse processo, tornando-o mais eficiente.

  1. Escolha a melhor época

Escolha um período em que haja um movimento menor no negócio ou enquanto a empresa estiver fechada. Vale a pena pagar hora extra para garantir que o inventário será feito de maneira mais precisa.

  1. Certifique-se de que os itens estão organizados

Para facilitar o trabalho é importante que o estoque esteja organizado, então, antes de iniciar a contagem, gaste um tempo para colocar tudo em ordem, juntando os itens semelhantes. Isso agiliza bastante o inventário.

  1. Crie um código para cada item

Também para facilitar a contagem de itens, uma boa ideia é atribuir um código a cada produto, que pode ser numérica simples (001, 002, 003, etc) ou em código de barras. E não se esqueça de considerar os atributos dos produtos, quando estes forem importantes, como cores e tamanhos, por exemplo.

  1. Conte os itens de cada grupo e registre o resultado

Essa parte não tem mistério. Todos os itens devem ser contados e o resultado deve ser registrado. Mas se você cumpriu as etapas anteriores, a contagem deve ser rápida. Lembre-se apenas de conferir o resultado para evitar erros.

  1. Compare os resultados com o que consta no seu registro

O cruzamento dos resultados da contagem com o que está registrado em seu registro de controle é uma das partes mais importantes, e se torna muito mais simples quando o registro é informatizado. Se você encontrar alguma diferença significativa, vale a pena investigar, pois pode ser um indício de fraudes ou erros graves na empresa.

Utilizar uma ferramenta automatizada de gestão empresarial os conhecidos como ERP facilita todo o processo de controle da empresa, inclusive o de estoque, já que todos os setores são integrados e as informações são transmitidas automaticamente, minimizando as possibilidades de erros por falta de atenção.

Implemente o controle de estoque eficiente na sua empresa e garanta o bom funcionamento do seu negócio.

Solicite um orçamento para realização do controle patrimonial da sua empresa!

 

Conteúdos Relacionados:

Inventário Patrimonial X Inventário de Estoque

Controle Patrimonial: como e porque fazer na sua empresa

Planilha de Controle Patrimonial Gratuita!