O que é Ponto de Equilíbrio

É comum ouvir que para uma empresa precisa ampliar seus lucros e evitar prejuízos. Ou seja, que é necessário que ela ultrapasse o Ponto de Equilíbrio.

Mas, o que é ponto de equilíbrio e como ele se adequá à empresa?

De maneira muito resumida, pois, vamos aprofundar nosso conhecimento adiante, uma empresa está no ponto de equilíbrio quando ela não tem lucro e também não tem prejuízo.

De maneira geral, o lucro se dá quando a empresa ultrapassa esse ponto de equilíbrio, logo, o prejuízo é obtido quando a empresa não o alcança.

Se você quer entender mais profundamente o que é o Ponto de Equilíbrio, quais as formas de calculá-lo e, consequentemente, como conquistar e medir seu lucro, continue acompanhando este artigo.

O que é Ponto de Equilíbrio?

O Ponto de Equilíbrio (Break Even Point) nada mais é do que o ponto em que a receita da empresa se iguala às despesas e custos, sejam eles fixos ou variáveis. Ele é o volume necessário a ser produzido para cobrir todos os custos e despesas do negócio.

Parece óbvio que para as empresas é importante ultrapassar esse ponto para obter lucros (abaixo disso ela incorre em prejuízos).

Entender o conceito em torno do que é Ponto de Equilíbrio é de extrema importância para estipular metas de vendas e planejar melhor a produção.

Ponto de Equilíbrio

O que significa Ponto de Equilíbrio e como calcula-lo

São três metodologias de cálculo:

  • Ponto de Equilíbrio Contábil
  • Ponto de Equilíbrio Financeiro
  • Ponto de Equilíbrio Econômico

Para facilitar o entendimento das três metodologias vamos utilizar um exemplo fictício:

Imagine que uma empresa vende seu produto por R$8 e seus custos e despesas variáveis (ou seja, que variam conforme o volume da produção) totalizam R$3. Logo, a margem de contribuição unitária (o que resta para arcar com custos e despesas fixas e gerar lucros), é de R$5.

Seus custos e despesas fixas (independem do volume de produção) são R$20.000. Além disso, o valor de depreciação de seus ativos é de R$5.000 e sua meta de lucro antes dos impostos é de R$10.000.

Com esse exemplo em mente, vamos entender o que é Ponto de Equilíbrio contábil, financeiro e econômico.

O que é Ponto de Equilíbrio Contábil

O método contábil considera apenas os custos e despesas fixas, sendo então o mais simples e difundido.

É mais utilizado quando a empresa possui muitos ativos que sofram depreciação, assim a análise se torna mais realista e próxima da realidade.

Leia também: Tudo sobre: como calcular a depreciação do ativo imobilizado

Ponto de equilíbrio contábil = (custos e despesas fixas) / (margem de contribuição unitária)

No nosso exemplo seria:

Ponto de Equilíbrio contábil = 20.000,00/5,00 = 4.000 unidades.

Isso significa que é necessário produzir 4.000 unidades do produto para pagar todos os custos e despesas. Assim, é necessário ultrapassar tal volume para obter lucro.

O que é Ponto de Equilíbrio Financeiro ou de Caixa

O método financeiro ou de caixa considera os custos e despesas fixas, porém, subtrai destes aquilo que não é realmente desembolsado do caixa da empresa para que o resultado seja compatível com o que há disponível em caixa.

Geralmente são retirados: depreciação, amortização, variação cambial e exaustão.

Essa análise permite encontrar o mínimo necessário para garantir a saúde financeira de uma empresa.

Assim a matemática a cerca do que é Ponto de Equilíbrio Financeiro é feita assim:

Ponto de Equilíbrio Financeiro = (Custos e despesas fixas – depreciação, amortização, variação cambial e exaustão) / (margem de contribuição unitária)

No exemplo:

Ponto de Equilíbrio financeiro = (20.000,00-5.000,00) /5,00 = 3.000 unidades.

Isso significa que é necessário produzir 3.000 unidades do produto para arcar com todos os custos e despesas desembolsáveis.

Ponto de Equilíbrio Econômico

O método econômico considera além de custos e despesas fixas, o custo de oportunidade do dinheiro.

Explicando: o Ponto de Equilíbrio Econômico projeta um valor de lucro mínimo desejável para obter uma remuneração equivalente àquela que teria se seu dinheiro fosse utilizado para outra finalidade no mercado.

É utilizado principalmente por empreendedores que estão iniciando um negócio.

Ponto de Equilíbrio econômico = (Custos e despesas fixas + custo de oportunidade) / (margem de contribuição unitária)

No exemplo:

Ponto de equilíbrio econômico= (20.000,00+10.000,00) /5,00 = 6.000 unidades.

O resultado do Ponto de Equilíbrio, neste caso, significa que é necessário produzir 6.000 unidades para pagar todos os custos e despesas e obter o lucro desejado.

Conclusão

O Ponto de Equilíbrio é um dos indicadores financeiros mais importantes para gestores, porém, não é o único e sua utilização isoladamente apresenta limitações.

Agora que você compreendeu o que é Ponto de Equilíbrio, saiba que o ideal para obter uma análise mais completa e evitar decisões equivocadas é utilizá-lo em conjunto com outras análises e indicadores financeiros complementares. Para isso sugerimos que continue sua leitura no artigo; Gestão financeira empresarial: 5 dicas para melhorá-la”

Se você está em busca de melhorias de gestão financeira para sua empresa, conte com a Investor para auxiliá-lo na gestão completa de seus ativos.

Possuímos soluções financeiras completas e customizadas para a sua empresa. Atuamos nos mais diversos setores da economia e negócios em diferentes estágios. Conheça as áreas de atuação dentro das Finanças Corporativas.

Entre em contato conosco e converse com nossos especialistas!

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *